MINHA MÃE

Adilia Monteiro Aguiar Oya
06-5-2010

Não é uma fada,
mas espalha luz aonde passa...
nem tão pouco um anjo...
mas olha por mim e a todos
que a conhece!
vela meu sono,minha vida,
minha alma!

não a tenho aqui por perto,
mas ao meu lado a hora que for
aqui estás...

na luz de uma estrela,na flor
que agora se abre vejo
seu rosto...recordo
cada minuto que em
minha memória se gravou!

não precisa ter uma data para te
lembrar,em minha vida sempre estás!
aos céus sempre aqui a pedir,
para minha mãe muita vida a lhe sorrir,
uma estrada de paz a te esperar!
em minha vida para sempre
ficarás...minha mãe,minha luz!

**Moro faz 19 anos no Japão
e minha mãe no Brasil,
com a graças de Deus está bem!
E como a saudade aperta... Chega a doer!
Amo você mãezinha!**


Créditos

Poesia

Adilia Oya

Tubes- Sorensen

criação e arte

elisasantos

 

 

 

 

 

VOLTAR